sábado, 1 de outubro de 2016

Região Sul realiza plebiscito que pede separação do Brasil


O movimento separatista “O Sul é o meu País” realizou neste sábado (1º) uma consulta popular referente à hipótese de separação dos três Estados da região Sul do País do restante do Brasil. A intenção é formar uma nova nação, composta por Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. O plebiscito começou às 8h e segiu até o fim da tarde, contando com pelo menos 4 mil urnas. 
Site que divulga a ação do movimento 'Sul é o Meu País' que prega a separação dos Estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul do restante do Brasil
Foto: Reprodução/internet
 Inicialmente, a ideia dos coordenadores do movimento era realizar a consulta...
juntamente com as eleições deste domingo, com a opção inclusa na urna eletrônica. Como a ação seria inconstitucional, por se tratar de um movimento separatista, o pedido foi refutado e o grupo organizou uma consulta independente. Conforme Moisés Dornelles, coordenador do movimento em Porto Alegre, o grupo segue todas as recomendações da Organização das Nações Unidas (ONU) para o reconhecimento de novos povos e nações. 

O sistema de votação é composto de uma cédula com as opções “sim” ou “não”. Os eleitores não precisam apresentar documentos, mas tem o dedo polegar marcado com tinta permanente, para evitar fraudes. Questionados sobre um possível nome para a nova nação ou as cores de uma eventual bandeira, os organizadores garantiram que ainda não tem essas respostas. 

Os porto-alegrenses que passaram pela urna da chamada Esquina Democrática, no Centro de Porto Alegre, eram majoritariamente favoráveis à separação. A cuidadora de idosos Sandra Abreu foi votar acompanhada do marido e espera que em um eventual novo país os impostos sejam menores e haja mais segurança. “Tenho um filho, acredito que será melhor pra ele crescer num outro país”. Já a corretora de imóveis Nira Patron brincou: “as praias de Santa Catarina serão só nossas”. Ela ressaltou, ainda, que enxerga nos vizinhos catarinenses um exemplo de prosperidade a ser seguido, e que pode ser mais facilmente alcançado em um país menor. 

No total, o grupo contou com 19.539 voluntários distribuídos em 1.279 pontos de votação. O resultado do plebiscito deve ser divulgado até a próxima quarta-feira (5). Os dados coletados serão encaminhados para o órgão responsável dentro da ONU, que dará encaminhamento ao pedido de separação. O movimento espera pelo menos dois milhões de votos nos três estados participantes.
 Fonte: Terra
Postar um comentário

Recado